quinta-feira, junho 23, 2005

Semana dificil

Tal como tinha previsto esta semana tem sido uma loucura, eu já estou mais ou menos acostumado com este stress mas a Dé está de rastos, já é a terceira vez que temos de vir ao centro do Rio tratar de documentos. Nestas situações eu procuro sempre ver o lado "positivo" da coisa ;-). Aproveito estas visitas a uma zona do Rio de Janeiro normalmente fora do circuito turístico para observar o dia a dia do carioca que não aparece nos cartões postais. Aqui nem se sente que estamos perto do mar, os edifícios são enormes mas mesmo assim em cada rua transversal lá está um morro e a respectiva mata tropical exuberante, incrível este contraste. Aqui no centro as ruas paralelas ás grandes avenidas são estreitas e lembram muito Lisboa, muitas construções dos séculos XVIII e XIX ainda hoje estão conservadas e pequenas praças com as respectivas igrejas não negam a influencia portuguesa. Nestas ruas estreitas estão espalhados vendedores ambulantes que vendem de tudo um pouco em especial produtos "importados directamente do Paraguai". Numa das praças existe mesmo um "Camelódromo" uma espécie de feira mas muito mais animada e colorida com algumas iguarias locais que gosto sempre de experimentar. A Dé é que vai aos píncaros com o meu à vontade, passa o dia a olhar stressadamente para tudo com olhar de medo e cada vez que tiro a pequena maquina fotográfica do bolso tem praticamente um ataque cardíaco ;-) Ela não gosta do Rio, apesar de carioca é de uma cidade mais pequena a norte chamada Cabo Frio, para ela tanta confusão deixa-a fora de si, vive apavorada quando tem de ir ao centro. Eu tenho uma receita que até agora tem resultado; uns chinelos dos mais baratos possíveis, uma t-shirt simples e uns calções largos ( uma côrzinha tb ajuda;-) fazem com que eu me dilua na multidão, sem óculos escuros nem relógio e com a maquina fotográfica no bolso deixo de ser um "gringo" e passo a ser apenas mais um carioca ;-)) simples. As tarefas têm vindo a ser cumpridas e o fim de semana está quase aí, estou muito satisfeito por finalmente conhecer pessoalmente alguns amigos mas ao mesmo tempo apreensivo por não ter condições para os receber condignamente. Ontem ligou-me o André Etienne, eu pensava que já o "conhecia" da lista da Big Trail mas ele afinal não subscreve esse fórum. Amigos da Big falaram da minha vinda e ele como está a preparar uma viagem para a Europa queria trocar umas impressões, disse que vinha no sábado com a mulher e com outro amigo. O próximo fim de semana já parece mais um meeting internacional do que um encontro de amigos ;-)) É impressionante o que uns pedaços de ferro, aço e borracha que nem sequer se equilibram sozinhas conseguem juntar pessoas desta forma. Espero aproveitar o fim de semana para relaxar um pouco e acertar algumas coisas para a próxima etapa do projecto, quem sabe não arranjo mais companheiros de viagem ;-) Preciso mesmo de descontrair, estou à uma semana a 400 metros de uma praia fantástica e ainda nem sequer tive tempo de meter o pé na agua...

Sem comentários:

Enviar um comentário