sexta-feira, dezembro 23, 2011

Lavou, tá nova!!

Uma expressão muito utilizada no Brasil e que se aplica que nem ginjas à valente lady... ... que depois de um banho, uma revisão e pneus novinhos ficou pronta para outra! O vadio à semelhança da moto também precisava de um bom banho e de uma "revisão geral"... para perder o aspecto africano e voltar pronto para enfrentar a austeridade portuguesa :) O ultimo dia foi bem aproveitado, dedicado inteiramente à Cidade do Cabo e ao seu ícone, a Table Mountain. Uma caminhada levou-me ao cimo deste calhau imenso, são mais de mil metros de altitude bem na beira do mar que nos dão uma perspectiva impressionante da cidade e da península do Cabo. Cheguei cedo e tive a oportunidade de apreciar a energia da montanha com pouca gente, perto da hora de almoço, já depois de ter explorado todos os trilhos, desci pelo teleférico de volta à cidade. Não fiz um roteiro turístico, não fui à Robben Island nem aos famosos aquários da cidade, limitei-me a passear pela conhecida Victoria & Alfred Waterfront Uma zona portuária tipicamente inglesa, repleta de tourist traps que enchem o passeio marítimo com todo o tipo de actividades possíveis e imaginárias. De passeio de helicóptero a mergulhos em submarino há por aqui muita coisa para esvaziar os bolsos dos turistas. Os meus já estão tão vazios que já abriram buraco, fujo para uma zona menos movimentada e procuro lojas em saldo para renovar o meu guarda roupa e enfrentar os 4 graus que me esperam em Londres. Meia hora foi o que bastou para ficar vestido dos pés à cabeça, calças, boxers, meias, uma t-shirt e até um casaco quentinho para resistir às 12 horas do voo de regresso. Viajar nesta altura de festas é porreiro, anda tudo com o Natal e as festas na cabeça e nada funciona, dá para ter algum espaço e lentamente voltar à rotina. É difícil, claro que é, mas não tanto como pode parecer, afinal de contas... Bom Natal a todos!

1 comentário:

  1. Amigo Carlos que pena que não foste ao aquário na cidade do cabo. Estive lá e mergulhei lá dentro. Abração Paulo Santos

    ResponderEliminar