domingo, julho 06, 2008

Mergulho no Baltico

Finalmente consegui matar saudades de um bom mergulho no mar. Estou encantado com os paises do Baltico, a Estonia, a Latvia e a Letonia sao paises relativamente parecidos com Portugal, nao em termos geograficos ou paisagisticos mas na forma descontraida e relaxada como tanto nos portugueses como estes povos desfrutamos a vida. Sinto uma tranquilidade saborosa no ar, alegria nas esplanadas, gosto em saborear o sol, percebe-se claramente que este e um povo cauteloso, discreto, recatado e eu acho que apesar das diferencas obvias de cultura somos parecidos.... e bom sentir isto depois de tanta escandinavia... 'e confortavel... Acabei por ficar mais tempo em Sao Petersburgo do que o que previa, a cidade merece e a dor de cabeca da vodka do casamento nao me deixou fazer grande coisa no dia seguinte... limitei-me a descansar, passear sem rumo utilizando o metropolitano e a dormir uma bela sesta num dos muitos jardins da cidade. O caminho para a fronteira com a Estonia trouxe as estradas da Russia que eu estava a espera de encontrar desde o inicio, esburacadas, abandonadas e serpenteando entre aldeias onde ainda e bem visivel a URSS. Almocei numa delas, por gestos e sons consegui explicar a senhora que queria comer, ela fala comigo em russo sem pestanejar como se estivesse certa que eu entendia tudo perfeitamente, BISTEC.... opa essa eu percebi...sim, sim, bistec!! fantastic!! Um bifinho panado com uma saladinha e pure de batata... maravilha. Digeri o bife nas duas horas de espera na fronteira... Na Estonia esperavam-me estradas novas em folha, curvas bem desenhadas, limites de velocidades maiores e uma linguagem que utiliza letras que eu conheco. Aproveito tudo com prazer, rodo a um deliciosos 150kmH, o Ipod debita um reggae porreiro, depois um samba, uma bossa.... o sol bate nas minhas costas com forca, o vento fresco atravessa o meu casaco aberto, que bem que se esta aqui.... de repente um carro em sentido contrario faz sinal de luzes, sorrio e aceno ao cumprimento, o carro tem umas luzes azuis pequenas no meio da grelha frontal, deve ser tunning penso eu... as luzes piscam, nao, nao e tunning, e a policia! Um carro descaraterizado apanhou--me no radar a 150kmh, to tramado!!! Eu encosto, os policias fazem inversao de marcha e param atras de mim, olham curiosos para a matricula, eu tiro o capacete, as luvas e de cara alegre cumprimento-os com firmesa: Carlos from Portugal, pleased to meet you. Sorriem...ja nao e mau... chamam-me para ver o radar no interior do carro, pois 147kmh... but the road is very good... no traffic... i'm sorry... eles nem ai nem ui, sorriem outra vez, dizem adeus entram no carro e seguem caminho... ufffffffffffff Ja estava a espera de gostar de Talim, mas gostei mais do que estava programado, 'e uma cidade doce...deliciosa... sim o adjectivo certo e deliciosa! Romantica qb, virada para o mar, folheada com uma muralha um varias camadas, polvilhada de mineretes de igrejas medievais, recheada com esplanadas animadas por gente bonita e por fim servida num belo dia de sol. Mais uma vez acabei por me demorar mais do que o previsto, fiquei dois dias a desfrutar deste doce, fui a todos os lugares de interesse, subi torres de igreja, assisti extaseado a concertos de orgao e violino em igrejas medievais, tomei demorados cafes em esplanadas magnificas, caminhei no calcadao da praia e mergulhei pela primeira vez no Mar Baltico, foi bom. Nao fossem os barulhentos ingleses, os embriagados finlandeses e os invernos rigorosos e esta seria uma boa cidade para se viver... Ontem segui para Riga, sao poucos quilometros mas eu demorei o dia inteiro, parei umas 4 ou 5 vezes para nadar no Baltico, pelo caminho ha varias praias quase desertas e eu nao consegui resistir, a agua e mais quente que a das praias de Portugal e a areia e igual, apenas o mar nao e tao azul, mas isso ja seria perfeito demais. Cheguei ja tarde a Riga, o primeiro hostal esta cheio por isso passo para a segunda opcao, o hostal Argonauta. Chego satisfeito mas cheio de comichao por causa da agua salgada, no quarto ao lado estao 5 estonios, peco emprestado um gel para barbear e ganho 5 amigos, estao todos a beber vodka com martini dum copo de 2 litros, oferecem-me e eu aceito, ficamos a conversa, gostam de Portugal e eu gosto da Estonia, dizem que vao para o Nautilos, um bar num submarino algures em Riga... acabou a vodka e o martini, vamos? Vamos! O bar nao e grande coisa, a musica tb nao, os estonios comecam a dancar e eu comeco a achar que talvez nao tivesse sido tao boa ideia, eles comecaram na vodka e no martini bem antes de mim e estao bastante animados... mas a animacao dura pouco, uma hora depois ja estao com os bofes de fora encostados num sofa a dormitar... hora de voltar para o hostal! Hoje passei a manha a passear por Riga, a cidade e interessante mas depois de Sao Petersburgo e Talin fica dificil ficar impressionado com mais castelos e igrejas medievais por mais belas que elas sejam, mas Riga tinha um trunfo. Esta a decorrer o festival de musica de Latvia, o maior evento cultural do pais e hoje e o dia da abertura, a cidade esta cheia de pessoas vestidas com roupas tradicionais de cada uma das regioes, teem flores nos cabelos, tocam musicas medievais e dancam por toda a cidade. O cortejo passa em frente a uma varanda onde o presidente da Latvia e o respectivo primeiro ministro dao as boas vindas a todos os grupos representado todas as vilas do pais. Soube disto gracas a Inga que continua a chamar as atencoes, um casal meteu conversa, gostou da moto, convidou-me para uma cerveja, eu explico que para mim ainda e cedo para cerveja, tomo um cafe e juntos assistimos ao cortejo explicado com rigor e orgulho pelo Martin e pela Lai... mais uma boa recordacao! Na saida da cidade penso com os meus botoes como me adaptei a esta vida errante e solitaria, como me sinto confortavel neste espaco tao pouco privado entre o guiador da moto e a mochila da roupa suja... como negoceio descontraidamente a incertesa de onde vou parar, onde vou dormir hoje.... sinto-me bem, satisfeito, abencoado.... apesar das saudades de casa. Agora estou em Kracovia o Teles ligou-me a pouco, parece que ta cheio de pica para papar kms para chegar a Lisboa 6 feira... eu estou com mais calma... aqui em baixo tenho Budapeste, para la chegar tenho de atravessar as montanhas de Tatra e a Eslovaquia.... depois ao lado tenho Bratislava e Viena...hummm sei nao, vou perguntar ao Teles e ao Joe se eles nao querem vir ter a Viena... ou Praga...

14 comentários:

  1. Fartei-me a rir com o tunning. Ainda bem que tiveste sorte!

    Segue assim, pá!

    Abraço

    ResponderEliminar
  2. Amigo

    A vodka é lixada depois deixamos de saber das coisas.

    Continuação de boa viagem.

    Rui Baltazar

    ResponderEliminar
  3. Luis Deus3:31 da tarde

    «sinto-me, satisfeito, abencoado...»

    Mas porque será ...

    ResponderEliminar
  4. Nuno César1:27 da manhã

    Com o teu "bom feeling" só podia correr tudo pelo melhor.
    Obrigado pela partilha e desfruta do resto com calma... o fim chega sempre depressa demais!!! Dammm

    ResponderEliminar
  5. Foto

    http://www.nomadstrail.net/forum/index.php?topic=2876.msg34100#new

    ResponderEliminar
  6. Olhe, não sei quem você é, mas ao ler os seus relatos fiquei um pouco emocionado. Quem me dera a mim estar a fazer e a viver o roteiro que escolheu sentado numa moto.
    Força, saúde e sorte!
    Victor Figueiredo.

    ResponderEliminar
  7. sempre em grande, continuação de boa viagem.

    abraços

    Nuno Martins

    ResponderEliminar
  8. Carlos Martins10:17 da manhã

    Muito bem... arte, esplanadas, monumentos, cultura, concertos... é normalmente isso que a malta guarda na memória qdo vem desses lados :-))))

    Continua em alta!

    Abraço grande,

    C.

    ResponderEliminar
  9. Mr. President:

    20-20 Vision Graphics s.r.o.
    Touratech CZ distributor
    14800 Prague
    Czech Republic

    GPS: N 50 02.245, E 014 28.962

    Business hours: Mon-Fri 10:30 - 18:30

    Phone/Fax: +420 272942086, 272937614, 267910994
    Phone: +420 602100677, 724 984904, 602349970
    Email: touratech@touratech.cz
    http://www.touratech.cz
    Contact: Tomas Kocanda

    ResponderEliminar
  10. AFINAL QUERES ISTO:

    Address
    Auf dem Zimmermann 7-9
    Postfach 1082
    D-78078 Niedereschach

    Telephone
    +49 (0) 7728 9279-0

    Our opening and telephone hours
    Monday - Friday: 9.00 - 18.00
    Saturday: 9.00 - 16.00 (march - july)
    Saturday: 9.00 - 14.00 (august - february)



    N48 07.573 E8 31.886

    ResponderEliminar
  11. Rui Baltazar10:48 da tarde

    Boas

    Carlos

    Aqui o que pretendes:

    N 48º07,573
    E008º31.931

    Fala com o Lothar ou com a Katya diz lhe que vais da minha parte e pede para visitar a fabrica eu amanha digo que vais la passar

    um abraço

    Rui Baltazar

    ResponderEliminar
  12. Rui Baltazar10:53 da tarde

    fica a 90km de Stuttgart

    ResponderEliminar
  13. Parabéns Carlos! Realmente consegue-se, basta querer... sonho com uma viagem assim há algum tempo e assim q possa, vou conseguir tirar umas fotos muito longe de casa ;)
    Cumps Raul

    ResponderEliminar
  14. Vasco Espinheiro12:11 da manhã

    Simplesmente fantástico......e bom contador de sonhos de muitos motociclistas...talvez num futuro próximo eu tb tenha uma história assim...

    Boa sorte...e sempre a rolar.

    Abraço

    Vasco Espinheiro

    ResponderEliminar